Última atualização: O primeiro protótipo está pronto: Contate-nos para uma demonstração através do e-mail hello@vitaal.fit ou diretamente pelo telefone: +41 44 586 88 34

Vânia Guimarães participa no "6th Winter Symposium of the Human Motion Project"

O "Winter Symposium" do projecto "Human Motion Project" é um evento anual que tem como objectivo melhorar a saúde humana através de ferramentas de apoio à decisão baseadas na evidência para diagnóstico e tratamento através de uma melhor compreensão da natureza do movimento humano e das suas consequências na mente e no corpo. A sexta edição do simpósio foi subordinado ao tema “Real world walking speed – definition, measurement, validation and regulatory acceptance” (Velocidade da marcha no mundo real - definição, medição, validação e aceitação regulamentar). Durante um só dia, houve 14 palestras que enderessaram vários tópicos muito relevantes e relacionados com o projecto VITAAL, por exemplo:

  • a velocidade da marcha como sinal vital no cuidado dos idosos
  • a velocidade da marcha em contexto clínico e no mundo real
  • sensores inerciais para a análise da marcha
  • certificação de sensores para uso clínico
  • o controlo neuronal da marcha
  • a importância da marcha em dupla-tarefa para distinguir desordens da marcha com o envolvimento do cérebro (por exemplo, défice cognitivo)
  • treino combinado motor-cognitivo como uma estratégia mais eficiente de melhorar a estabilidade da marcha e o funcionamento do cérebro
  • a velocidade da marcha como um indicador digital para ensaios clínicos no desenvolvimento de fármacos

O simpósio foi organizado pela Universidade Técnica de Munique, e realizou-se no Hospital Universitário Rechts der Isar, em Munique, Alemanha.

Resultados

Esta actividade representou sobretudo uma oportunidade para aprender com outros investigadores, envolvidos na investigação da avaliação da velocidade da marcha, análise da marcha, treino motor-cognitivo, entre outros. O simpósio deu-nos mais uma vez uma confirmação da relevância e inovação subjacentes ao nosso projecto, nomeadamente através do uso da velocidade da marcha para personalizar intervenções motoras-cognitivas para idosos. Foi também uma oportunidade para disseminar o nosso projecto e a nossa investigação.